Pular para o conteúdo principal

O que existo?

Tanto busquei a tal realidade, apenas para constatar: ela não estava lá, ela nunca existiu. Também busquei a mim mesmo, mas eu não estou lá: eu não existo. Nem mesmo as coisas: elas também não existem e também não estão lá. E o eu que vê as coisas, também não está lá...

Comentar

You must have Javascript enabled to use this form.